sexta-feira, 22 de agosto de 2014

O Mundo que vivemos. Um presente de Deus

O mundo em nossas mãos
O  mundo. É o lugar onde habitamos e que devemos cuidar a cada instante, pois é nele que vivemos. O mundo é na verdade todo espaço  que podemos alcançar  com os nossos olhos. O mundo é uma criação divina. Foi criado por Deus.
E como está o mundo? As notícias que recebemos por diferentes meios nos mostra que o mundo  não está indo bem. As pessoas não estão se entendendo. Falta comunicação. Falam de Guerra, até água está faltando no mundo.
A busca  da harmonia está no respeito as coisas.
A coisa   era era perfeita e o má uso está levando a imperfeição.
Segundo a Bíblia, Deus criou o mundo e o homem e entregou ao mesmo  o direito de administra-lo. Crescei,
 multiplicai, e  dominai a natureza.
O homem foi convidado por Deus para ser partícipe no projeto da  criação.
Uma grande responsabilidade. E o que  o homem está fazendo  para se manter digno desta responsabilidade lhes dada pelo próprio Deus.
Somos pessoas viventes deste mundo por isso devemos  mantê-lo segundo o projeto do seu criador.

Com 61 anos, aposentada realiza o sonho de vida entrando para o Convento

 

 

Itana Muniz
Dom Itamar Vian
A Igreja Católica celebra em agosto, o mês vocacional, onde cada domingo é dedicado a um chamado de vida específico, seja ele para vida religiosa, leiga e missionária, sacerdotal e matrimonial. Na Congregação das Irmãs Franciscanas Missionárias da Imaculada Conceição da Mãe de Deus, a mesma que a saudosa Irmã Dulce fazia parte e que em Feira de Santana, uma de suas casas está situada no bairro do Campo Limpo, um fato foge à regra do que costuma acontecer no cotidiano das ordens religiosas femininas, trata-se da aposentada Itana Muniz, que com 61 anos, afirma que irá se sentir realizada no dia que consagrar-se a vida religiosa, pois segundo ela, o desejo de ser freira surgiu entre os seus 18 e 19 anos.
Já como postulante, que é um dos períodos que toda mulher ou jovem que deseja ser religiosa tem que passar para discernir a vocação, Itana, que é aposentada como professora nos contou que a sua vocação foi despertada ainda jovem, porém ela tinha prioridades na vida, que era cuidar da mãe, mas mesmo assim, ela ressalta que a inquietação para vida missionária consagrada  sempre se fez presente em sua vida.
Dinâmica, a postulante que está em período de formação na Congregação que também fez parte o Anjo Bom da Bahia, disponibiliza seu tempo para trabalhar com famílias carentes e, sobretudo com reforço escolar para crianças, uma vez que a mesma já é aposentada como professora.
“Idade não é o problema para convivência, a cada dia que passo, eu aprendo com as mais novas e creio que as mais novas também aprendam comigo. O que vale é a força interior que eu carreguei durante esses anos todos e nunca permiti que o desejo acabasse”, ressaltou.

Segundo o arcebispo metropolitano Dom Itamar Vian, o ingresso de Itana Muniz na Congregação não é uma situação comum, mas para ele, não é um fato anormal. “A decisão na vida de uma pessoa não tem idade, ás vezes pode fugir da normalidade, porém no caso da senhora que é postulante com 61 anos, a prioridade dela foi cuidar da mãe, e isso é o correto”, disse.

Conforme o arcebispo, toda Congregação Religiosa, antes de acolher uma pessoa para ser formada e se tornar membro da Ordem, realiza antes todo um processo de conhecimento profundo da vida de quem pretende ingressar na Congregação. “Todos os casos, antes de definitivamente entrarem no Convento passam por um processo de investigação muito séria e isso não importa a idade da pretendente”, explicou.

Para Dom Itamar, saber viver em comunidade é um dos fatores prioritários para fazer parte de uma Congregação Religiosa. “Uma pessoa que não consegue viver em comunidade, certamente não conseguirá adaptar-se à vida religiosa, esse é um critério primordial. O relacionamento com quem vive na mesma fraternidade, também é algo que não depende da idade, isso é uma questão de respeito um com o outro”, pontuou, finalizando, “fui ordenado bispo com 42 anos e estava em uma Diocese que tinha padres mais velhos do que eu, logo, a questão de obediência não é e não será um problema para quem sabe viver uma comunidade”.
Clécia Azevêdo

Grávida não acha vaga em hospital e tem filho dentro de carro

 

 

Imagens foram registradas pelo condutor do veículo, vizinho da mulher. Ambulância do Samu encaminhou mãe e bebê para maternidade.
 
 
Reprodução

Foto: Reprodução

  
e
Após não achar vaga em hospital, uma mulher teve o filho dentro do carro do vizinho na cidade de Feira de Santana, a 100 km de Salvador. A dona de casa Alessandra dos Santos Rodrigues entrou em trabalho de parto por volta das 6h de quarta-feira (20), quando o marido, Dermival Santos, pediu uma carona ao vizinho para levá-la ao Hospital Clériston Andrade.
Ao chegar no local, a unidade de saúde não tinha vaga e a gestante seguiu para um outro hospital da região. Porém, ao passar pela Avenida João Durval, uma das mais movimentadas de Feira de Santana, a mulher não aguentou esperar e teve o filho dentro do carro. "Nunca pensei que iria acontecer algo assim, mas graças a Deus deu tudo certo e agora a mãe está de parabéns. À equipe do Samu eu agradeço mais uma vez, foi muito rápida", disse o vizinho de Alessandra, Gerônimo Costa, que registrou o momento do parto.
A dona de casa contou também com ajuda de Hélio Ferreira, dono de um salão de beleza que fica na avenida. "O pai estava muito nervoso, muito mesmo. Ele atravessou a pista correndo e não sabia o que fazer. Estava desesperado. Aí ele pediu para ligar para o Samu e eu chamei rapidamente", contou o cabeleireiro.
Uma ambulância do Samu chegou logo após o parto e levou mãe e a criança, um menino, para uma maternidade da cidade. Os dois passam bem, mas ainda não têm previsão de alta. A criança, que ganhou o nome de Miguel, nasceu com 2,860 kg e 49 cm. O bebê é quarto filho do casal.
A direção do Hospital Clériston Andrade disse que o hospital só faz partos de alto risco e que neste caso ela deveria ter procurado outro unidade de saúde.
Fonte: G1

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

O DIA DO MAÇOM

Uma Sessão especial na Câmara de Vereadores, comemorou na noite de hoje o dia do Maçom.
Muitos Maçons estiveram presentes no  evento.
O Dia do Maçom em Santo Estevão é fruto de um projeto do Vereador Cristiano que foi aprovador por unanimidade pela câmara.
A Loja  aqui em Santo Estevão apoia a APAE e também realiza trabalhos de filantropia, no entanto, segundo o Venerável Sócrates  se obedece um principio, que aquilo que a mão direita faz não precisa a esquerda saber
O Palestrante  da noite, um Senhor  de nome Sebastião, apresentou a Maçonaria  no transcorrer da história,em um dos momentos da sua fala o mesmo afirmou que um dos pre  requisitos  entrar na Maçonaria é não ser  ateu

Falta a sua assinatura....

Em virtude de acontecimentos ocorridos no  município, A comunidade de  forma organizada, através  Conselho Municipal  de Segurança Pública  realizou  em Santo Estevão,  uma caminhada  denominada de Caminha da Paz. E desde o dia, da Caminhada, os organizadores fizeram  um abaixo assinado  com a finalidade de coletar assinaturas para ser levada, as autoridades no sentido de atender o pedido da população
, No entanto ainda não se  atingiu a 1000 assinaturas. É preciso  que se coloque um número considerado de  assinaturas,  uma vez  que Santo Estevão ultrapassa a 60 000 habitantes

Veja 40 músicas que você provavelmente canta errado e não sabe

 

 

Erros clássicos como "amarelo deserto e seus tremores" e "trocando de biquíni sem parar" são alguns dos destaques da lista
 
 
Não há como não se divertir pensando nas músicas que você tanto gosta e lembrar que um dia derrapou nas letras e as cantou errado. Ou então, perceber que, não apenas você cantou errado, como também inventou palavras que nunca existiram. Melhor ainda é descobrir como os outros cantam aquela letra que você sempre acertou. Veja lista com 40 canções que já se tornaram clássicos em equívocos. Divirta-se! 

1. Oceano - DjavanVocê podia jurar que era: "Amarelo deserto e seus tremores"
Mas na verdade é: "Amar é um deserto e seus temores"
2. Noite do Prazer - Cláudio ZoliVocê podia jurar que era: "Na madrugada vitrola rolando um blues, trocando de biquíni sem parar"
Mas na verdade é: "Na madrugada vitrola rolado um blues, tocando B.B. King sem parar"
3. Arerê - Ivete Sangalo
Você podia jurar que era: "Um love, um love, um love com você"
Mas na verdade é: "Um lobby, um hobby, um love com você"
4. Alagados - Paralamas do Sucesso
Você podia jurar que era: "Alagados de cristal/no quintal, Favela da Maré"
Mas na verdade é: "Alagados, Trenchtown, Favela da Maré"
5. Chão de Giz - Zé Ramalho
Você podia jurar que era: "Fotografias recortadas de jornais de folhas, Hollywoood"
Mas na verdade é: "Fotografias recortadas de jornais de folhas, amiúde"
6. Garota Nacional - Skank
Você podia jurar que era: "Com seu vestidinho preto imperceptível/que o prefeito te deu"
Mas na verdade é: "Com seu vestidinho preto indefectível"

7. Não Aprendi a Dizer Adeus - Leandro e Leonardo
Você podia jurar que era: "Mas deixo você ir, sem lágrimas no olhar, só Deus me machuca"
Mas na verdade é: "Mas deixo você ir, sem lágrimas no olhar, se o adeus me machucar"

8. Melô do Marinheiro - Paralamas do Sucesso
Você podia jurar que era: "Entrei de caiaque no navio! Entrei, entrei, entrei pelo cano"
Mas na verdade é: "Entrei de gaiato num navio! Entrei, entrei, entrei, pelo cano"

9. Malandragem - Cássia Eller
Você podia jurar que era: "Quem sabe o príncipe virou um sapo"
Mas na verdade é: "Quem sabe o príncipe virou um chato"
10. Pintura Íntima - Kid Abelha
Você podia jurar que era: "Fazer amor de madrugada, amor com jeito de pirata/pirada"
Mas na verdade é: "Fazer amor de madrugada, amor com jeito de virada"
11. Homem Primata - Titãs
Você podia jurar que era: "Homem que mata! Capitalismo selvagem"
Mas na verdade é: "Homem primata! Capitalismo selvagem"
12. Admirável Chip Novo - Pitty
Você podia jurar que era: "Use, seja, ousadia"
Mas na verdade é: "Use, seja, ouça, diga"
13. Lágrimas e Chuva - Kid Abelha
Você podia jurar que era: "Eu tô plantando meus problemas que eu quero esquecer"
Mas na verdade é: "Eu dou plantão dos meus problemas que eu quero esquecer"
14. Mesmo Que Seja Eu - Roberto Carlos
Você podia jurar que era: "Um homem pra chamar Dirceu, mesmo que seja eu"
Mas na verdade é: "Um homem pra chamar de seu, mesmo que seja eu"
15. O Vento - Los Hermanos
Você podia jurar que era: "O vento vai dizer, lento o que virá, existe um verde e mais"
Mas na verdade é: "O vento vai dizer, lento o que virá, e se chover demais"
16. O Bêbado e a Equilibrista - Elis Regina
Você podia jurar que era: "Que sonha, com a volta do irmão doentio"
Mas na verdade é: "Que sonha, com a volta do irmão do Henfil"

17. The Lion Sleeps Tonight - O Rei Leão
Você podia jurar que era: "Aui mauê, aui mauê, aui mauê, aui mauê"
Mas na verdade é: "A whim away, a whim away, a whim away, a whim away"
18. Sozinho - Caetano Veloso
Você podia jurar que era: "Não tô querendo ser o seu dono, é que um carinho às vezes cai bem"
Mas na verdade é: "Não sou nem quero ser o seu dono, é que um carinho às vezes cai bem"
19. Sina - Djavan
Você podia jurar que era: "Minha princesa, arnoou/arnobom da natureza"
Mas na verdade é: "Minha princesa, art-nouveau da natureza"
20. Água Mineral - Carlinhos Brown
Você podia jurar que era: "Água mineral, o que é que há? Você vai ficar legal"
Mas na verdade é:" Água mineral do Candeal, você vai ficar legal"
21. Minha Alma - O Rappa
Você podia jurar que era: "A minha alma tá armada e apontada para a cara do sujeito"
Mas na verdade é: "A minha alma tá armada e apontada para a cara do sossego"
22. Você vai estar na minha - Negra Li
Você podia jurar que era: "Um dia eu vou estar na tua e você vai estar na minha"
Mas na verdade é: "Um dia eu vou estar à tôa e você vai estar na mira"
23. Amor de Chocolate - Naldo
Você podia jurar que era: "Autoestima, autoestima"
Mas na verdade é:"Alto, em cima, alto, em cima"
24. Haja Amor - Luiz Caldas
Você podia jurar que era: "Eu queria ser uma abelha pra pousar na tua flor, A de amor, A de amor"
Mas na verdade é:"Eu queria ser uma abelha pra pousar na tua flor, haja amor, haja amor"
25. Como Nossos Pais - Elis Regina
Você podia jurar que era: "Mas é você, que é mal passado e que não vê"
Mas na verdade é: "Mas é você, que ama o passado e que não vê"
26. Amarelinha - Art Popular
Você podia jurar que era: "Se liga, vê se mexe mais essa galinha"
Mas na verdade é:"Se liga, vê se mexe mais, não sai da linha"
27. Mulher de Fases - Raimundos
Você podia jurar que era: "Meu namoro é na folia"
Mas na verdade é:"Meu namoro é na folhinha"
28. Otherside - Red Hot Chili Peppers
Você podia jurar que era: "Hello, Hello"
Mas na verdade é: "How Long, How Long"
29. Eduardo e Mônica - Legião Urbana
Você podia jurar que era: "Ela gostava do Bandeira e do Bauhaus, Van Gogh, dos Mutantes, de Caetano e de robô"
Mas na verdade é: "Ela gostava do Bandeira e do Bauhaus, Van Gogh, dos Mutantes, de Caetano e de Rimbaud"
30. Colo de Menina - Rastapé
Você podia jurar que era: "Andar a pé, andar a pé, até quando Deus quiser"
Mas na verdade é: "Amar até, amar até, até quando Deus quiser"
31. Pacato Cidadão - Skank
Você podia jurar que era: "Macaco cidadão é o macaco da civilização"
Mas na verdade é: "Pacato cidadão é o pacato da civilização"
32. Whisky a Go-Go - Roupa Nova
Você podia jurar que era: "Eu perguntava tudo em holandês e te abraçava tudo em holandês"
Mas na verdade é: "Eu perguntava, do you wanna dance? E te abraçava, do you wanna dance?"

33. Hoje é Domingo
Você podia jurar que era: "Hoje é domingo, pé de cachimbo"
Mas na verdade é: "Hoje é domingo, pede cachimbo"
34. Do Leme ao Pontal - Tim Maia
Você podia jurar que era: "Bolo, guaraná, suco de caju, goiabada para sobremesa"
Mas na verdade é: "Tomo guaraná, suco de caju, goiabada para sobremesa"
35. Menino do Rio - Caetano Veloso
Você podia jurar que era: "Coração de eterno verde, adoro verde"
Mas na verdade é: "Coração de eterno flerte, adoro ver-te"
36. Xibom Bombom - As Meninas
Você podia jurar que era: "Analisando essa cadeira, ela é de praia"
Mas na verdade é: "Analisando essa cadeia hereditária"
37. Açaí - Djavan
Você podia jurar que era: "Ao sair do avião, zum de besouro, ímã, branca é às três da manhã"
Mas na verdade é: "Açaí, guardiã, zum de besouro um ímã, branca é a tez da manhã"
38. Should I Stay Or Should I Go - The Clash
Você podia jurar que era: "Shourastei ou shourago"
Mas na verdade é: "Should I stay or should I go"
39. Se Essa Rua Fosse Minha
Você podia jurar que era: "Se essa rua, se essa rua fosse minha, eu mandava, eu mandava ela brilhar"
Mas na verdade é: "Se essa rua, se essa rua fosse minha, eu mandava, eu mandava ladrilhar"
40. Parabéns
Você podia jurar que era: "Parabéns pra você, nesta data querida, muitas felicidades, muitos anos de vida"
Mas na verdade é: "Parabéns a você, nesta data querida, muita felicidade, muitos anos de vida"

E antes que digam que está faltando "um abajur cor de carne" na listagem, não está. Embora muita gente ache que o correto é "carmim", é carne mesmo. Ritchie esclareceu nossa dúvida e a dos fãs.

Reportagem iBahia

terça-feira, 19 de agosto de 2014

Médico brasileiro acusado de cometer 56 estupros é preso do Paraguai

 

 

Prisão foi efetuada em Assunção pelo governo paraguaio com apoio da PF. Condenado a 278 anos de prisão, Abdelmassih era procurado desde 2011.
1
 
Reprodução

 

 



O ex-médico Roger Abdelmassih, de 70 anos, foi preso nesta terça-feira (19) em Assunção, capital do Paraguai, de acordo com a Polícia Federal (PF). Ele foi preso por agentes ligados à Secretaria Nacional Antidrogas do governo paraguaio com apoio da Polícia Federal brasileira.
Segundo a PF, após o procedimento de deportação sumária, Abdelmassih dará entrada no Brasil por Foz do Iguaçu (PR), cidade na fronteira com o Paraguai, e depois será transferido para São Paulo. O ex-médico era considerado um dos principais especialista em reprodução humana no Brasil. Após sua condenação e fuga, passou a ser um dos criminosos mais procurados pela Polícia Civil do estado de São Paulo. A recompensa por informações sobre seu paradeiro era de R$ 10 mil.
Denúncias e condenação
Roger Abdelmassih foi acusado por 35 pacientes que disseram ter sido atacadas dentro da clínica que ele mantinha na Avenida Brasil, na região dos Jardins, área nobre da cidade de São Paulo. Ao todo, as vítimas acusaram o médico de ter cometido 56 estupros.
As denúncias contra o médico começaram em 2008. Abdelmassih foi indiciado em junho de 2009 por estupro e atentado violento ao pudor. Ele chegou a ficar preso de 17 de agosto a 24 de dezembro de 2009, mas recebeu do Supremo Tribunal Federal (STF) o direito de responder o processo em liberdade.
Em 23 de novembro de 2010, a Justiça o condenou a 278 anos de reclusão. Abdelmassih não foi preso logo após ter sido condenado porque um habeas corpus do Superior Tribunal de Justiça (STJ) dava a ele o direito de responder em liberdade.
O habeas corpus foi revogado pela Justiça em janeiro de 2011, quando ex-médico tentou renovar seu passaporte, o que sugeria a possibilidade de que ele tentaria sair do Brasil. Como a prisão foi decretada e ele deixou de se apresentar, passou a ser procurado pela polícia. Em maio de 2011, Abdelmassih teve o registro de médico cassado pelo Conselho Regional de Medicina de São Paulo.
Médico alegava inocência
O ex-médico sempre alegou inocência. Chegou a dizer que só ‘beijava’ o rosto das pacientes e vinha sendo atacado por um "movimento de ressentimentos vingativos". Mas, em geral, as mulheres o acusaram de tentar beijá-las na boca ou acariciá-las quando estavam sozinhas - sem o marido ou a enfermeira presente.
Algumas disseram ter sido molestadas após a sedação. De acordo com a acusação, parte dos 8 mil bebês concebidos na clínica de fertilização também não seriam filhos biológicos de quem fez o tratamento. As informações são do G1.
 

Repassando uma notícia preocupante



Um nigeriano chegou à São Luís - Ma, na terça feira, começou a passar mal foi internado no hospital Universitário HUUFMA. Ele faleceu no sábado a noite com diagnóstico do vírus"EBOLA". O governo do Estado do Maranhão e o Ministério da Saúde ordenaram que fosse mantido em sigilo.
No entanto, o minitro da saúde, Arthur Chioro confirmou ao sec. ricardo Murad que já tem 5 pessoas internadas com os mesmos sintomas em estado grave!
A Polícia Federal iniciou hoje a operação "fronteiras fechadas", ond qualquer pessoa que tenha estado no continente africaco nos últimos 10 meses não podem entrar no país. Repassem!!!!
Prezados,
Em decorrência da emergência de Ebola na África, foi elaborado pelo Ministério da Saúde o informe técnico anexo, também disponível no link abaixo:
Contamos com o apoio na divulgação junto às Vigilâncias dos Municípios do seu estado e todos os profissionais de saúde.
Atenciosamente,
Centro de Informação Estratégicas em Vigilância em Saúde - CIEVS/RN
Subcoordenadoria de Vigilância Epidemiológica - SUVIGE
Coordenação de Promoção a Saúde - CPS
Secretaria de Estado da Saúde Pública - SESAP/RN

Estado abre 4.535 vagas em cursos gratuitos de formação técnica

[

 

Cursos estão sendo oferecidos na capital e em 34 cidades do interior
Priscila Natividade (priscila.oliveira@redebahia.com.br)
Jovens e adultos maiores de 18 anos que ainda não concluíram o ensino médio podem se inscrever, a partir de sexta-feira (22), para uma das 4.535 novas vagas para cursos de educação profissional oferecidas pelo governo do estado, por meio do Proeja (Programa Nacional de Integração da Educação Profissional com Educação Básica na Modalidade de Educação de Jovens e Adultos).
Segundo a  diretora de Desenvolvimento Pedagógico de Educação Profissional da Secretaria da Educação da Bahia, Cristina Kavalkievicz,  o principal objetivo dos cursos é proporcionar, ao mesmo tempo, a conclusão do nível médio com um direcionamento do estudante para uma carreira técnica. “Ou seja, ele chegará ao mundo do trabalho mais preparado para enfrentá-lo”.
Oportunidade
Estudantes e trabalhadores que já concluíram o ensino fundamental podem se inscrever no curso de sua preferência sem passar por qualquer processo seletivo, até que o número de vagas esteja completo. “Esses jovens adultos sairão formados em 12 eixos tecnológicos, fazendo com que terminem seu curso, não apenas com a elevação da escolaridade, mas, principalmente, com uma formação profissional junto com esta educação básica”, garante a diretora.
Os cursos têm duração de dois anos e meio, com turmas nos turnos vespertino e noturno. As vagas são para 28 cursos técnicos de nível médio, a exemplo de Administração, Agroecologia, Análises Clínicas, Arte Dramática, Comércio, Enfermagem, Logística, Segurança do Trabalho, Meio Ambiente, Manutenção Suporte e Informática, entre outros. A oferta contempla Salvador e mais 34 municípios do interior, como Alagoinhas, Camaçari, Arataca, Bom Jesus da Lapa, Capim Grosso, Catu, Miguel Calmon, Santo Amaro, Senhor do Bonfim e Uauá.
Em Salvador, a experiência mostra que os cursos mais concorridos são os técnicos em Enfermagem, Logística, Administração, Segurança do Trabalho e Informática. No interior, Agroecologia, Meio Ambiente, Análises Clínicas e Arte Dramática são os que possuem maior procura entre os inscritos.  
Os cursos duram, em média, dois anos e meio e englobam desde a educação básica até a formação técnica
(Foto: Claudionor Junior/Ascom Educação)
Segundo dados da Secretaria de Educação, o Proeja já formou, desde 2007, mais de 30 mil alunos. As aulas acontecem  nos 68 centros de educação profissional espalhados pelo estado, sendo nove deles só na capital.
De acordo com o último Censo feito pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), a Rede Estadual de Educação Profissional da Bahia é a que mais oferta vagas no país nesta modalidade de ensino. Atualmente, 70 mil estudantes estão matriculados no programa de educação profissional destinado a jovens e adultos que não conseguiram concluir seus estudos antes.
Inscrições
Os interessados nos cursos ofertados devem se dirigir aos centros e unidades escolares apresentando os seguintes documentos: carteira de identidade, CPF, comprovante de residência e atestado de escolaridade. Vale lembrar que todos os cursos são gratuitos.
O Proeja nasceu em 2005, após os dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) de 2003 diagnosticar que 68 milhões de jovens e adultos trabalhadores brasileiros com 15 anos ou mais não concluíram o ensino fundamental e apenas seis milhões (8,8%) estavam matriculados em cursos de Educação de Jovens e Adultos (EJA).  “Por isto é uma modalidade de ensino destinada ao aprendizado desse público específico”, comenta Cristina Kavalkievicz. O prazo de inscrição para os cursos se encerra no dia 29 de agosto.

gastroenterite . Quem avisa amigo é

Sinônimos: gastroenterocolite aguda, geca

A gastroenterite é uma inflamação aguda que compromete os órgãos do sistema gastrointestinal. O problema é mais comum no verão e em locais sem tratamento de água, rede de esgoto, água encanada e destino adequado.

Causas

A gastroenterite pode ser provocada por vírus, bactérias e parasitas, que podem ser transmitidos pelo ar, pela mão em contato com a boca e por intoxicação alimentar. Uma das bactérias mais comuns é a Salmonella, encontrada em frango e ovos crus.

Getty Images
Ilustração da bactéria Salmonella
Alimentos conservados com pouca higiene e sem refrigeração podem favorecer o acúmulo de micro-organismos que causam a gastroenterite.

 

 

 

 


Entre os sintomas comuns da gastroenterite estão:

  • Febre
  • Enjoo
  • Diarreia
  • Vômitos
  • Dores abdominais
  • Perda de peso
  • Perda de apetite
  • Desidratação.
Lin

A pedido de pai, Defensoria vai participar de apuração do caso Geovane



A pedido de pai, Defensoria vai participar de apuração do caso Geovane
Jurandy pediu ajuda para identificar corpo do filho | Foto: Cássia Bandeira/ G1
O pai de Geovane Mascarenhas de Santana, visto pela última vez em imagens de uma abordagem de policiais militares no dia 2 de agosto, pediu nesta segunda-feira (18) auxílio da Defensoria Pública na identificação do corpo de seu filho. “Estamos preocupados porque há outros corpos também não identificados em situação semelhante. Então queremos que seja coletado o DNA dos familiares para que não haja qualquer dúvida sobre a identificação”, informou a
 
 
subcoordenadora da Especializada, Bethânia Ferreira. Segundo ela, o órgão também deve participar do processo de apuração, realizado pela Corregedoria da Polícia Militar, do envolvimento de PMs no desaparecimento do rapaz. A subcoordenadora explicou, ainda, que Jurandy não teria sofrido qualquer tipo de ameaça e nem constrangimentos até então. O mesmo não pode ser dito do dono do imóvel que gravou a abordagem dos policiais. No último sábado (16), o dono do imóvel teria se mudado por estar com “muito medo”

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Policiais civis dão início a greve de três dias

 

 

Paralisação se dá em protesto contra a morte de policiais e para pressionar o governo a regulamentar promoções

 
 
Foto reprodução
Foto reprodução
Policiais civis da Bahia deram início, na manhã desta segunda-feira, a uma paralisação de 72 horas em todo o Estado. Segundo o sindicato da categoria (Sindipoc), estão sendo realizados apenas trabalhos de urgência, como levantamento cadavérico.
De acordo com o diretor do Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia (SindPoc), Joseval Costa, em entrevista a Rádio Sociedade, a paralisação é contra o crescente número homicídios de policiais civis, em favor das melhorias das condições de trabalho, contra assédio moral e em favor regulamentação do decreto que regulamenta as promoções de classe, entre outras pautas reivindicatórias.

A paralisação foi definida em assembleia realizada no dia 30 de julho pela categoria, após uma semana em que quatro policiais haviam sido assassinados na Bahia.

Bissexual sofre: "As pessoas acham que ser bi é só uma fase de indefinição"


A sigla LGBT foi criada para abranger lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros. Era de se esperar que cada um ficasse no seu quadrado, respeitando a orientação sexual dos outros. Só que não é bem assim que acontece. Dentro da própria comunidade LGBT, os bissexuais podem ser considerados o "patinho feio". Sua versatilidade muitas vezes é vista como indefinição, e por isso eles têm menos credibilidade e sofrem preconceito dos LGT.
Mas, afinal, qual é o problema em sentir atração tanto por homens quanto por mulheres? “As pessoas falam que é temporário, que é uma fase, até eu conseguir me decidir. Não entendem que essa é a minha sexualidade", reclama o redator Leonardo Villela Araujo, 25. "Tem homens que se atraem por mulheres, outros por homens, porque eu não posso me atrair pelos dois?”
Leonardo conta que ainda criança, aos 11 anos, ele percebeu que achava graça tanto nos meninos quanto nas meninas. Mesmo tendo tomado consciência de sua bissexualidade muito cedo, só teve qualquer contato com outro homem aos 17 anos. Ele já namorou mulheres e homens e diz que o gênero do parceiro não importa, mas acha mais difícil se relacionar com as mulheres.
“Em primeiro lugar, tem o fato de as mulheres serem muito machistas, o que me incomoda muito. Em segundo vem a insegurança, já que elas pensam que vou trocá-las por um homem a qualquer momento. Quando o relacionamento acaba, a mulher raramente entende que é porque não estou mais interessado nela como pessoa, e não porque ela é mulher”, desabafa.
A dificuldade de compreensão da bissexualidade também causa frustração na publicitária Dani Cruz, 27, que afirma sofrer muito preconceito. “As amigas lésbicas falam que eu sou hétero, só porque hoje eu namoro um homem, o que me ofende bastante. Em contrapartida, os homens héteros acham que, porque sou bi, vou querer trair meu namorado com uma menina, ou que fazemos altos ménages”.
"Os amigos gays vibram quando saio com meninas e riem quando saio com meninos"
Dani afirma que é difícil para quem não é bissexual entender que a bissexualidade não é uma escolha ou algo mutável. ”Eu gosto de meninas e meninos. Não é porque namoro um que vou trair com o outro, não viro hétero quando namoro um homem e nem viro lésbica quando namoro uma menina”, explica ela, que já terminou relacionamentos porque namorados e namoradas disseram “não aguentar a pressão”.
Já a estudante Carolina de Oliveira Tsuda, 23, conta que nunca teve problema com seus relacionamentos e que o preconceito maior vem por parte dos amigos gays. “Tenho muitos amigos gays que vibram quando eu saio com uma menina e que riem quando eu saio com um menino. Eles falam na brincadeira, mas é um tipo de preconceito”. 
Para Leonardo, parte da confusão acontece porque muitos gays têm um período em que percebem o interesse por pessoas do mesmo sexo e não descartam o interesse pelo sexo oposto, e aí imaginam que se enquadram na categoria bissexual, até perceber sua verdadeira orientação. Ou que simplesmente acham mais simples assumir que são bissexuais.
“Quando jovens, muitos afirmam ser bissexuais como uma ‘estratégia’ para se assumir, ou para se liberar para relações com pessoas do mesmo sexo. Às vezes isso se confirma, mas é preciso lembrar que durante a adolescência toda a questão relacionada ao sexo é confusa, as referências ainda são limitadas. O jovem que está entendendo sua sexualidade pode se sentir atraído por ambos os sexos.”
Dani conta que o mesmo acontece com as meninas. “Eu nunca precisei me aceitar, mas sei que se colocar como bi é uma alternativa para não se assumir completamente. E ok, afinal existe um medo muito grande de se assumir, até pra si mesmo”,  lembra ela. "Esse processo faz com que os bissexuais sofram preconceito. Um monte de gente acha que é uma fase passageira, ou uma falta de tomada de posição."
A falta do pênis 
Outra questão que sempre vem à tona com relação aos bissexuais é o sexo. Será que uma menina bi vai sentir falta do pênis quando transar com outra menina? E que um menino bi vai se satisfazer com uma vagina quando estiver transando com uma mulher? Eles vão ter que ir atrás da compensação do sexo que ficou faltando?
Dani conta que quando está com alguém ela se entrega, e essa pessoa, homem ou mulher, passa então a suprir suas necessidades. “Não acontece de ficar com alguém de um sexo desejando estar com outro. Vale lembrar que várias meninas gays usam vibradores e consolos também. Gostar de penetração não é uma característica só das mulheres bissexuais."
Em relação aos homens bissexuais, Leonardo conta que a maior preocupação das parceiras do sexo feminino é também a penetração. “As meninas pensam: ‘Meu Deus, eu não tenho como fazer sexo com ele! Ele gosta de transar com homens, de ser passivo fazendo sexo anal’”. A menina bi, por sua vez, está envolta em um fetiche masculino. "Quando um cara pega uma menina que fala que é bi, ele já pensa: 'Vou poder transar com duas meninas ao mesmo tempo’", diz Leonardo.
Mas as coisas estão mudando aos poucos, e o trio é esperançoso quanto ao futuro dos bissexuais. “As pessoas têm se aberto para novas experiências. Já é mais socialmente aceito ficar com alguém do mesmo sexo, nem que seja só para experimentar. Antigamente isso era um tabu”, aposta Dani.




Proctologista orienta como prevenir o câncer de colo e reto

Dr.Eugênio Ramalho
Sabemos que o cuidado e a atenção com a saúde deve ser uma prioridade para todos nós. Ela é o bem maior da vida. Todos nos acostumamos à necessidade de avaliá-la com cunsultas e exames médicos periódicos. Graças a essa mentalidade a expectativa de vida aumentou significativamente em todo o mundo. Sabe-se que a prevenção é o fundamento da boa saúde.
Já é consenso algumas rotinas de prevenção para os homens com referência ao câncer de próstata e das mulheres quanto às patologias do colo de útero e da mama.
Nem todos sabem que além dessas duas afecções que atingem homens e mulheres outras áreas do nosso corpo devem ser fiscalizadas com a mesma atenção por sediarem doenças da mesma periculosidade.
Dentre os temas de saúde de interesse geral que temos abordado ultimamente, o câncer de colo e reto será esclarecido pelo médico proctologista Eugênio Ramalho, que é um dos especialistas do IDAD – Instituto de Doenças do Aparelho Digestivo, em Feira de Santana.
Conforme o médico, o câncer de colo e reto atualmente está entre os tumores malignos mais freqüentes, vindo logo em seguida aos de pulmão. Segundo ele, atinge homens e mulheres indistintamente, sendo mais freqüente após os 50 anos. “Podem se localizar em qualquer parte do intestino grosso, sendo mais comum na parte final do colon, (sigmoide e reto). Sempre precedido de sinais importantes que precisam ser valorizados e investigados. A queixa principal é sangramento retal, que muitos pacientes interpretam como a hemorróida”, explicou.
Outro sintoma que o proctologista orienta para que os pacientes fiquem alerta é quando sentirem dificuldade para defecar, com diminuição do calibre das fezes, quando as mesmas ficam afiladas.
“O câncer geralmente começa em um pólipo, pequena formação semelhante a uma verruga, que pode demorar até 10 anos para se tornar maligna. Uma vez diagnosticado o tratamento é cirúrgico”, orientou
Para Eugênio Ramalho, o modo mais adequado de evitar que o paciente passe por cirurgia é a prevenção. “Exames periódicos, ou ao primeiro sinal de suspeita não devem ser adiados. Nem todo sangramento é devido a hemorróidas. Dispomos hoje de procedimentos e de um arsenal de equipamentos eficientes para um diagnóstico precoce”. Informou.
Existem tumores de difícil diagnóstico, os que se desenvolvem na parte posterior do reto, de acordo com o proctologista, esses felizmente são raros, representam menos de um por cento dos casos. “A maioria é diagnosticada apenas com um toque retal. Infelizmente, um procedimento simples e de grande valor diagnóstico (também para a prevenção do câncer de próstata), é pouco realizado nos postos de saúde, devido principalmente ao tabu,  fruto da desinformação e preconceitos”, lamentou.
A colonoscopia é o recurso primordial na prevenção. Consiste na introdução de um tubo flexível de fibra óptica com uma mini-câmara de vídeo que examina e fotografa detalhadamente toda a extensão do intestino grosso, já previamente preparado e limpo, em busca de lesões suspeitas. “Uma vez localizadas, são imediatamente removidas para exames de biópsia. É um procedimento indolor, realizado sob sedação anestésica, dura de 20 a 30 minutos, sem nenhum desconforto ou constrangimento para o paciente”, disse.
Questionado sobre alimentação correta, Eugênio Ramalho enfatizou que a saúde do intestino depende muito dos hábitos alimentares. Conforme ele, alimentação rica em carnes vermelhas, frituras, defumados, embutidos, pobre em vegetais, predominante em nossos cardápios e nas lanchonetes de “fast food”, contribui significativamente para o aumento dessas doenças. “A ingestão diária de grande quantidade de fibras (30 a 60g), presentes nos vegetais, cereais integrais, frutas e verduras é o modo eficaz de diminuir essas doenças e desfrutar de boa saúde”, finalizou.

Clécia Azevêdo
Jornalista em Formação

Marina e Aécio empatam em pesquisa do Datafolha

Dilma tem 36%, Marina, 21%, e Aécio, 20%, aponta levantamento divulgado nesta segunda


18 de agosto de 2014 as 06h30
 
Marina e Aécio empatam em pesquisa do Datafolha
Marina e Aécio empatam em pesquisa do Datafolha
Pesquisa feita pelo Datafolha para o jornal "Folha de S.Paulo" divulgada na edição desta segunda-feira (18) mostra Dilma Rousseff (PT) com 36% das intenções de voto para presidente, seguida de Marina Silva (PSB), com 21%, e Aécio Neves (PSDB), com 20%.
É a primeira pesquisa que inclui um cenário em que a ex-senadora Marina Silva é o possível nome do PSB no lugar do ex-governador Eduardo Campos, que morreu na quarta-feira (13), em um acidente de avião. O PSB ainda não definiu se Marina será a candidata substituta, mas lideranças dão a escolha como certa.
No levantamento anterior do Datafolha, realizado nos dias 15 e 16 de julho e divulgado no dia 17, Dilma tinha 36%, Aécio, 20%, e Eduardo Campos, 8%.
O percentual de entrevistados que disseram não saber em quem votar ou que não responderam foi de 14% em julho e agora atingiu 9%. Brancos e nulos eram 13%; agora são 8%. O quarto colocado na pesquisa, pastor Everaldo (PSC), aparece com 3% das intenções de voto; no levantamento anterior, tinha os mesmos 3%.
A pesquisa mostra que, se a eleição fosse hoje, haveria segundo turno: Dilma teria 36% contra 46% da soma dos demais candidatos. Na pesquisa anterior, Dilma tinha 36% contra 36% dos demais, o que indicava uma incerteza sobre a necessidade de segundo turno.
O resultado da atual pesquisa mostra que, se for confirmada candidata do PSB no lugar de Campos, Marina começa a campanha em situação de empate técnico com Aécio Neves, numericamente à frente do tucano: 21% a 20%, dentro da margem de erro, de dois pontos percentuais.
Marina larga também em situação de empate técnico com Dilma na simulação de segundo turno: Marina com 47% e Dilma com 43%. O Datafolha não pesquisou um cenário entre Marina e Aécio. No cenário entre Dilma e Aécio, a petista tem 47%, e o tucano, 39%.
O levantamento foi encomendado pelo jornal “Folha de S.Paulo”. O Datafolha ouviu 2.843 eleitores em 176 municípios nos dias 14 e 15 de agsoto. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. Isso quer dizer que o instituto tem 95% de certeza de que os resultados obtidos estão dentro da margem de erro.
Fonte: G1 e Folha de São Paulo

18 de agosto de 2014 as 06h30

domingo, 17 de agosto de 2014

O Enterro de Eduardo Campos


O mundo político do Brasil  esteve  presente  na tarde de hoje em Recife para o sepultamento de Eduardo Campos, que se apresentava com uma proposta nova para  governar o Brasil.
Como será a campanha sem Eduardo? É a grande pergunta do povo brasileiro. Quem será o seu substituto?
O processo eleitoral vai ser mudado, 
Marina Silva
-----------------------Mais de 100 mil pessoas  esteve  presente em Recife, para de um jeito ou de outro dizer um muito obrigado ao ex governador.
O Brasil tem muita gente e boa e capaz, era este o discurso de Eduardo.
Ele era de uma família de políticos tradicionais de Pernambuco, mas representava, neste  omento, o novo na política Brasileira.
Na próxima quinta  feira, o PSB  deverá anunciar para todo Brasil  o nome do substituto de Eduardo.
É  dado como certa o nome de Marina da Silva, que na última eleição obteve cerca de 20 milhões de votos.
Um nome a ser considerado por todos.-+

sábado, 16 de agosto de 2014

Homem morre após tentar roubar mercadinho pela 4ª vez

Um homem não identificado, acusado de assaltar um mercadinho nas proximidades da Praça do Bosque por três vezes, foi morto na tarde de hoje (16), após tentar roubar o estabelecimento pela quarta vez. Segundo informações de testemunhas, o acusado sempre aparecia de bicicleta, deixava parada do outro lado da rua e anunciava assalto para quem estava no mercadinho.
Um homem que fazia à segurança do mercadinho reagiu ao assalto deflagrando alguns tiros contra o assaltante, que também revidou, acertando um tiro no segurança, que logo em seguida foi conduzido para o Hospital local. 
O elemento ainda não identificado conseguiu correr até as proximidades do Clube do Bosque, onde não resistiu e morreu. Até o fechamento desta matéria, o corpo ainda se encontrava no lugar, aguardando a viatura do DPT (Departamento de Polícia Técnica).
Clécia Azevêdo
Jornalista em Formação

Pânico. Tiroteio em um mercadinho próximo a Praça do Bosque

A aproximadamente 30 minutos, aconteceu  tiros em um mercadinho junto a Praça do Bosque. Segundo informações de populares  duas pessoas foram alvejadas. Um dos alvejados foi  o segurança do mercadinho que já se encontra sendo atendido no hospital  local.
Até o momento  desta nota a polícia ainda havia chegado ao local.

A Leitura seria a solução

Você sabe ler?
Uma pergunta feita  constantemente em  um ambiente escolar. 
Saber ler  é desbravar  fronteiras.
O que não é interessante é que nós encontramos muitos alunos de segundo grau que não sabem ler.Encontramos até mesmo alunos de faculdades analfabetos.
Seria a leitura a salvação para a  aprendizagem?
Uma boa reflexão para professores, pais e alunos e principalmente  para aqueles que  dizem pensar  a educação.
A questão da leitura ja era uma preocupação de Machado de  no ano de  1842.
Um determinado professor da UEFS dizia a 30 anos atrás, Quem não sabe Português nunca vai saber Matemática.
Talvez  a leitura do assunto a ser estudado pelos alunos, em sala de aula  comece a ajudar.
A responsabilidade é de todos. Desde História a Biologia, desde quimica a matemática, todos devem exercitar a leitura.
Colocar alunos para ler não vai fazer com que o professor perca o tempo, vai fazer sim o aluno conhecer melhor o assunto  conseguindo a aprendizagem com mais facilidade.
Se conselho fosse bom era vendido não era dado.

Brasileira nasceu com uma mutação genética raríssima e não sofreu nem na hora do parto



Quantas orações pedindo uma vida sem dor. Quanta gente desesperada esperando um alívio. Mas como seria viver sem essa sensação?

Marisa Martins, de 23 anos, conta que nunca teve dor de cabeça, de dente, de barriga nem dor nas costas. "Eu queria sentir dor porque todo mundo sente", diz.

 

O sol arde na pele, sem dó. Na grande plantação de batatas, o trabalho é duro. São dez horas de jornada, sem sombra, quase sem descanso. Nem a posição em que trabalha deixa Marisa com dor nas costas.

Na beira do Rio Paranapanema, sudoeste de São Paulo, Campina do Monte Alegre tem só 6 mil habitantes. Marisa é quase uma atração. Ela sabe quando faz frio ou faz calor. Pelo tato, sabe o que é macio ou áspero. Mas dor, mesmo, nenhuma. "Pode pegar uma faca e me cortar que eu não sinto", afirma.

A vida inteira foi assim. Em uma família com cinco crianças, apenas ela e o irmão nasceram com insensibilidade congenita à dor, uma mutação genética raríssima. Médicos do Hospital das Clínicas de São Paulo estão pesquisando essa síndrome em cinco pacientes, e os exames de todos eles estão sendo analisados na Inglaterra.

"Hoje sabemos que a maior parte desses pacientes que não sentem dor tem um tipo de polineuropatia, uma doença dos nervos periféricos muito específicos, mais fininhos, que carregam a informação de dor", esclarece o neurologista Daniel de Andrade.

Sem esse sinal de alerta, a moça carrega o corpo todo marcado por uma vida de acidentes. "Não sinto o fogo me queimar. Quando vejo, já está inflamado. Desde criança eu queimava a boca com comida quente. Agora, eu ponho a comida no prato e, enquanto estiver como fumaça, não como", conta Marisa.

Em uma casinha pobre de um conjunto habitacional, Marisa cuida das filhas. E vai passando, sem se dar conta, pelos pequenos perigos da vida doméstica.

Marisa teve duas filhas. Raiane, de 3 anos e meio, nasceu de cesariana. Noemi, de 1 ano e meio, de parto normal. Nas duas vezes, a mãe não sentiu nada.

"Fui anestesiada na cesariana porque o médico ficou com medo. Eu falei para ele que não sinto dor e não precisava de anestesia. Não senti nada no parto normal também. Noemi nasceu porque a médica me mandou fazer força. Se a médica não falasse, acho que eu não ia fazer força porque não estava sentido ela nascer. Na hora, eu estava dormindo", lembra Marisa, que simplesmente não percebe quando se machuca, só se o ferimento infeccionar e causar febre.

"Quando ela tem febre, procuramos alguma parte do corpo machucada. Se ela tiver febre, pode ver que tem algum dedo destroncado, algum corte inflamado, algum prego no pé", conta o marido de Marisa, Givanildo Toledo.

"Eu não me acho diferente das outras pessoas porque faço tudo que todo mundo faz. Não tenho vergonha, nunca tive. Para mim, está tudo normal", diz Marisa.

Na sua simplicidade, Marisa vai seguindo a vida e esperando o dia que em que possa ter pelo menos um pouquinho daquilo que ninguém quer: dor.
 


 

Paulo Souto segue na frente nas pesquisas

 

Sul da Bahia apresenta maior percentual de Souto; apoios geram empate no nordeste
Fotos: Max Haack e Elias Dantas/ Ag. Haack/ Bahia Notícias
Os cortes regionais, permitidos pela pesquisa Ipespe/ Bahia Notícias, mostraram que diferenças entre mesorregiões se confirmam também nos índices dos três principais candidatos ao governo da Bahia, quando a pesquisa cita os nomes dos postulantes ao Palácio de Ondina. Enquanto no sul da Bahia o candidato Paulo Souto (DEM) aparece com 58% das intenções de voto, a média dele em todo o estado é de 47%. O candidato democrata aparece também com percentual acima da própria média nas regiões centro-norte (49%) e centro-sul (55%). Na região do vale do São Francisco, Souto apresenta a menor média entre as seis mesorregiões, com 34% das intenções de voto – com os apoios de ACM Neto (DEM) e Aécio Neves (PSDB) o índice cai para 28% das intenções de voto.

Já o candidato do PT, Rui Costa, fica acima dos 14% da média estadual no extremo oeste (22%), no vale do São Francisco (16%), no centro-norte (18%) e no nordeste da Bahia (26%). É na região nordeste, inclusive, em que os apoios do governador Jaques Wagner, da presidente Dilma Rousseff e do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva provocam um empate técnico entre Rui e Souto. Nesse extrato da Bahia, o petista fica com 37% dos votos, diminuindo a diferença para o democrata, que fica com 39% das intenções de voto. No âmbito da Região Metropolitana de Salvador, Rui aparece como opção de voto para 9% dos entrevistados, menor índice apresentado pelo candidato em todas as regiões pesquisadas.

Com 9% das intenções de voto no estado, a senadora Lídice da Mata (PSB) possui seu maior percentual, de 16%, na Região Metropolitana de Salvador – a candidata foi prefeita da capital entre 1993 e 1996. Lídice, todavia, não pontua na região extremo oeste do estado, onde candidatos de siglas menores, como Marcos Mendes (PSOL) e Renata Mallet (PSTU), detém 1% das intenções de voto. Nas demais mesorregiões, a socialista fica com 4% no vale do São Francisco e no centro-norte, 8% no nordeste e 7% no centro-sul. Na região sul, Lídice possui o mesmo percentual estadual. Na relação dos apoios, com Eduardo Campos (PSB) e Marina Silva (PSB) citados, a senadora apresenta números silimilares aos mostrados quando ela não é associada a outros políticos. Entre os dias 8 e 12 de agosto, a pesquisa Ipespe/ Bahia Notícias ouviu 1.800 eleitores em 75 municípios da Bahia. A margem de erro é de 2,6% para mais ou para menos e o índice de confiança de 95%. O número de registro no Tribunal Superior Eleitoral sob protocolo nº BA-00009/2014.

Um gato em crise de fúria --praticamente "possuído"-- manteve suas donas reféns por horas

Um gato em crise de fúria --praticamente "possuído"-- manteve suas donas reféns por horas dentro de um quarto na casa da família em Chula Vista, Califórnia (EUA). Elas armaram uma barricada no recinto e chamaram a polícia para serem resgatadas.
Por volta das 4h, horário local, o serviço de emergência (o famoso "911") recebeu a chamada de mãe e filha, que não tiveram os nomes divulgados, aterrorizadas com a agressividade do gato, que é da família há 14 anos. Enfurecido, Cuppy atacava as duas todas as vezes que tentavam sair do quarto.
Uma vizinha, Karen Yarger, ficou do lado de fora da casa, munida de uma vassoura caso o felino transtornado viesse em sua direção. "Ele simplesmente é uma bola de fúria", disse ao canal "KGTV".
Os policiais conseguiram "negociar" com Cuppy, que foi persuadido a sair da casa: os homens ficaram chamando por seu nome, até o bichano atender e ir ao quintal.
Segundo a "Reuters", esse tipo de chamado em Chula Vista em geral é atendido por oficiais do Departamento de Controle Animal. Mas, como os policiais estavam livres, foram ajudar na ocorrência. Mãe e filha passam bem após o trauma; não se sabe o que levou o gato a ficar tão transtornado. (Com Reuters e KGTV)
Leia mais em: http://zip.net/blphYd